TOP 10: videoclipes de 2016

#01. Beyoncé“Lemonade”
Direção: Beyoncé, Melina Matsoukas, Todd Tourso, Kahlil Joseph, Dikayl Rimmasch, Jonas Åkerlund e Mark Romanek

Beyoncé - Lemonade

O álbum visual Lemonade de Beyoncé é um grito feminista, de igualdade racial, amor, traição e família divido em capítulos de autoconhecimento numa narrativa e visão artística digna de uma jornada filosófica do cineasta Terrence Malick.

A artista, consciente de sua importância na cultura pop, adiciona seu viés politizado – como o discurso de Malcolm X de que “a mulher mais desrespeitada nos Estados Unidos é a mulher negra, a pessoa mais desprotegida nos Estados Unidos é a mulher negra, a pessoa mais negligenciada nos Estados Unidos é a mulher negra” ou na cena com mães de jovens negros assassinados pela polícia, por exemplo – numa obra provocativa, impactante e visualmente bela.



David #02. David Bowie“Lazarus”
Direção: Johan Renck

“Look up here, I’m in heaven”. “Lazarus”, divulgado dois dias antes de Bowie falecer, é uma despedida em que ele profetiza sua morte numa cama de hospital e recua para um armário escuro.



Kanye West - Famous #03. Kanye West“Famous”
Direção: Kanye West

A obsessão do rapper Kanye West pela fama e por pessoas famosas mostra que “por baixo dos lençóis, celebridades são pessoas como todos nós”.



Jamie xx - Gosh #04. Jamie xx – Gosh“Gosh”
Direção: Romain Gavras

Num futuro distante, um grupo de jovens de Tianducheng busca uma realidade alternativa e com visão extremista num exército coreografado (sem efeitos) milimetricamente.



Radiohead - Daydreaming #05. Radiohead“Daydreaming”
Direção: Paul Thomas Anderson

Passando de porta em porta, Thom Yorke vaga como um fantasma na vida de desconhecidos numa metáfora de decisões realizadas em inúmeras fases da vida.



Frank Ocean - Nikes #06. Frank Ocean“Nikes”
Direção: Tyrone Lebon

Fantasias sexuais, um chihuahua fazendo rap, tributos a Pimp C e Trayvon Martin, demônios em teatros e Frank Ocean coberto em glitter unem beleza e comoção num material poderoso.



Grimes - Kill V. Maim #07. Grimes“Kill V. Maim”
Direção: Grimes e Mac Boucher

A canadense Grimes, em sua versão vampirinha, leva-nos ao seu submundo cyberpunk colorido pronta para transformar uma rave numa festa (divertidamente) sanguinária.



Mykki Blanco - High School Never Ends #08. Mykki Blanco“High School Never Ends”
Direção: Matt Lambert

A impetuosa versão de ‘Romeo e Julieta’ de Blanco, entre um integrante da comunidade LBGT e um neonazista, confronta amor e violência à flor da pele numa zona rural na Alemanha.



Miike Snow - Genghis Khan #09. Miike Snow“Genghis Khan”
Direção: Ninian Doff

O Miike Snow presta uma homenagem aos clássicos filmes do célebre agente 007 com muita ação, dança e um ‘crush’ mal resolvido entre o vilão e o mocinho.



Mitski - Happy #10. Mitski“Happy”
Direção: Maegan Houang

“Happy” apresenta a história de uma dona de casa sofrida dos anos 50 que descobre um enigma de uma aparente traição com um desfecho aterrorizante.



BONUS TRACK:

Gwen Stefani - Make Me Like You #11. Gwen Stefani“Make Me Like You”
Direção: Sophie Muller

Gwen Stefani fez história com o divertido videoclipe de “Make Me Like You” ao gravar o trabalho ao vivo, por cenários coloridos e retrôs, durante o intervalo do Grammy deste ano.


TOP 10: videoclipes de 2016

TOP 10 – videoclipes: 2015 | 2014 | 2013 | 2012 | 2011 | 2010 | 2009 | 2008