Sampha divulga a emotiva “(No One Knows Me) Like The Piano” do álbum ‘Process’

quarta-feira, janeiro 11th, 2017

Sampha

Em fevereiro, o produtor e cantor Sampha lança o álbum Process pelo selo Young Turks. Depois de promover faixas como “Blood On Me”, “Plastic 100°C” e “Timmy’s Prayer”, o artista apresenta a intimista “(No One Knows Me) Like The Piano”.

A canção, uma balada emotiva ao piano e com eletrônica minimalista, é um tributo ao instrumento em que o músico tem em sua casa desde os três anos de idade e que serviu para escrever parte das composições do disco de estreia.

“No one knows me like the piano in my mother’s home, you assure me I have something, some people call it soul”.

Capa e repertório de Process:

Sampha - Process

01. “Plastic 100°C”
02. “Blood On Me”
03. “Kora Sings”
04. “(No One Knows Me) Like The Piano”
05. “Take Me Inside”
06. “Reverse Faults”
07. “Under”
08. “Timmy’s Prayer”
09. “Incomplete Kisses”
10. “What Shouldn’t I Be?”

Cameron Avery, do Tame Impala, mostra o charmoso single “Wasted On Fidelity”

quarta-feira, janeiro 11th, 2017

Cameron Avery

O multi-instrumentista Cameron Avery, conhecido por seus trabalhos como baixista no Tame Impala, prepara o disco Ripe Dreams, Pipe Dreams para o mês de março pelo selo Anti- e libera o single “Wasted On Fidelity” para auxiliar na promoção do trabalho de estreia solo.

“Wasted On Fidelity” é uma balada rock inspirada em grandes clássicos com um ar nostálgico e elegância nas instrumentações e vocal charmoso de Avery.

O músico já havia mostrado o videoclipe da apaixonante “C’est Toi” em que acompanha um casal explorando Nova Iorque e Los Angeles:

Capa e repertório de Ripe Dreams, Pipe Dreams:

Cameron Avery - Ripe Dreams, Pipe Dreams

01. “A Time and Place”
02. “Do You Know Me by Heart?”
03. “Dance With Me”
04. “Wasted on Fidelity”
05. “Big Town Girl”
06. “Disposable”
07. “The Cry of Captain Hollywood”
08. “Watch Me Take It Away”
09. “An Ever Jarring Moment”
10. “C’est Toi (extended)”

Laura Marling divulga a bela “Wild Fire” do álbum ‘Semper Femina’

quarta-feira, janeiro 11th, 2017

Laura Marling

“Wild Fire”, a sucessora de “Soothing”, é a segunda prévia do álbum Semper Femina que a cantora/compositora Laura Marling coloca nas lojas em março pelo selo próprio, o More Alarming Records.

A canção, uma balada folk confiante e relaxante em um violão acústico com o DNA de Bob Dylan, conta com Marling cantando versos de como o seu companheiro pode tratá-la melhor e tornar-se um parceiro adequado.

“You always say you love me most (…) I can take it all the way, you can stop playing that shit out one me”.

Bonobo e Nick Murphy, ex-Chet Faker, dividem a frágil e groove “No Reason”

terça-feira, janeiro 10th, 2017

Bonobo & Nick Murphy

O produtor Bonobo lança o álbum Migration na companhia de nomes como o Rhye (“Break Apart”) e Nicole Miglis (do Hundred Waters) no dia 13 de janeiro pelo selo Ninja Tune. Para aquecer a promoção do disco, o artista apresenta a parceria com Nick Murphy, ex-Chet Faker, em “No Reason”.

A faixa trilha por uma produção dançante e sensível entrelaçada pelo groove nos sintetizadores arpejados crescentes e a fragilidade característica no vocal de Murphy.

KAYTRANADA e Alicia Keys juntam-se na calorosa e sexy “Sweet F’in Love”

terça-feira, janeiro 10th, 2017

KAYTRANADA & Alicia Keys

O produtor eletrônico Louis Kevin Celestin (a.k.a. KAYTRANADA) trabalha na promoção do disco de estreia 99.9% e responsabiliza-se pela produção da faixa “Sweet F’in Love” da cantora Alicia Keys.

A canção, postado por Swiss Beatz – marido de Keys – no SoundCloud, traz o piano charmoso e vocal sexy da artista (“I’m talkin’ ’bout sweet, sweet f-ing love”) observados pela produção calorosa e engajada de KAYTRANADA.

Japandroids revela a poderosa “No Known Drink or Drug” do álbum ‘Near to the Wild Heart of Life’

terça-feira, janeiro 10th, 2017

Japandroids

Depois de soltar o single “Near to the Wild Heart of Life”, o Japandroids divulga o segundo single do álbum Near to the Wild Heart of Life, o sucessor de Celebration Rock, programado para o dia 27 de janeiro pelo selo Anti-.

“No Known Drink or Drug” é mais um hino rock e explosivo para o currículo da dupla de roqueiros que contrasta a urgência dos instrumentos (em guitarras e percussão acelerada) com refrões insistentes de “na na na na nas”.

Karen Elson anuncia segundo disco na cia. de Laura Marling na faixa “Distant Shore”

terça-feira, janeiro 10th, 2017

Karen Elson

A modelo e cantora Karen Elson (ex-Sra. Jack White) anuncia o segundo disco de estúdio Double Roses, o sucessor de The Ghost Who Walks de “The Truth is in the Dirt”, para o mês de abril pelo selo 1965 Records e com produção de Jonathan Wilson, responsável por trabalhos de Father John Misty e Conor Oberst.

A primeira prévia do registro aparece com a delicada “Distant Shore”, uma balada country e sentimental na companhia da cantora folk Laura Marling.

Capa e repertório de Double Roses que conta com participações de Father John Misty, Patrick Carney (do The Black Keys), Pat Sansone (do Wilco), Nate Wolcott (do Bright Eyes), Dhani Harrison e Paul Cartwright.

Karen Elson - Double Roses

01. “Wonder Blind”
02. “Double Roses”
03. “Call Your Name”
04. “Come Hell And High Water”
05. “The End”
06. “Raven”
07. “Why Am I Waiting”
08. “A Million Stars”
09. “Wolf”
10. “Distant Shore”

Mr. Tophat e Robyn lançam a inédita “Right Time” para promover EP colaborativo

segunda-feira, janeiro 9th, 2017

Mr. Tophat & Robyn

O produtor house Mr. Tophat e a cantora pop Robyn lançam o EP colaborativo Trust Me no dia 13 de janeiro pelo selo Smalltown Supersound. Depois de apresentarem a faixa título (“Trust Me”), os artistas suecos revelam a inédita “Right Time” que aparece no repertório do compacto.

A faixa é uma viagem disco pop groove atmosférica por sintetizadores espaciais, beats dançantes e o vocal sereno de Robyn numa odisseia de nove minutos para as pistas de dança.

ABRA emana sensualidade na envolvente “Bounty”

domingo, janeiro 8th, 2017

ABRA

ABRA trabalha na produção do segundo disco de estúdio e apresenta a primeira novidade musical desde o lançamento do EP PRINCESS, de canções como “PULL UP”, através da encantadora “Bounty”.

Com um refrão sedutor, de versos como “I feel like you’ve been stalking me” no vocal delicado da artista, e uma sonoridade sombria envolvente, “Bounty” transborda sensualidade e mistério ao longo de sua produção.

SOHN e seu túnel existencial no videoclipe de “Hard Liquor”

domingo, janeiro 8th, 2017

SOHN - Hard Liquor

O produtor eletrônico Christopher Taylor (a.k.a. SOHN) apresenta o videoclipe de “Hard Liquor” para auxiliar na divulgação do álbum Rennen, de singles como “Conrad” e “Signal”, programado para o dia 13 de janeiro pelo selo 4AD.

Com direção de Jovan Todorovic, de “Durer” de Okay Kaya, “Hard Liquor” reflete tempo, arrependimento e raiva num túnel sombrio e misterioso.