Xenoula vem de outro mundo desvendar os mistérios da Terra no clipe de “Chief Of Tin”

Xenoula

Xenoula, projeto eletrônico da multi-instrumentista Romy Xeno, caminha por um universo e enredo fantasioso nos passos de iamamiwhoami, inclusive com uma estética visual similar aos primeiros trabalhos de Jonna Lee e Claes Björklund. Em nota, diz pertencer a outro planeta, que foi enviada à Terra há mais de 9 mil anos e despertou em 2012 devido à poluição local.

Em “Chief Of Tin”, seu single de estreia pelo selo Weird World e trilhado por sua eletrônica experimental de sintetizadores atmosféricos e beats inquietos produzidos por Sam Dust (a.k.a. LA Priest), somos apresentados para essa humanoide que desperta em uma cápsula esférica, da qual sai coberta de óleo, e pronta para explorar as curiosidades do “novo mundo” em um bosque desconhecido.